Livros do Brasil traduzidos para o japonês

Em parceria com a editora Suiseisha, a Embaixada do Brasil apoia a publicação de clássicos da literatura nacional, traduzidos para o idioma japonês diretamente do português. O projeto é coordenado pela professora Chika Takeda, vice-presidente da Universidade dos Estudos Estrangeiros de Tóquio.

 

Esta coleção especial integra a programação cultural da Embaixada do Brasil em Tóquio para o Bicentenário da Independência do Brasil, celebrado em 2022. O projeto abrange iniciativas nas áreas de literatura, artes visuais, arquitetura, audiovisual, música popular e música de concerto.

 

Cinco obras-primas da literatura brasileira serão lançadas no mercado japonês neste ano: “Vidas Secas”, de Graciliano Ramos, em fevereiro; “Nihonjin”, de Oscar Nakasato, em junho; “As Meninas”, de Lygia Fagundes Telles, em agosto; “Torto Arado”, de Itamar Vieira Junior, em novembro; e a coletânea “O melhor do conto brasileiro”, em dezembro.

Homepage: https://www.burajirubungaku.net

Fonte: Embaixada do Brasil em Tóquio

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Veja também

Mapa do Trabalho

O Brasil vai precisar qualificar 9,6 milhões de trabalhadores em ocupações industriais até 2025, com investimento em formação continuada e inicial.  Esse é o levantamento

Leia Mais >>