Boletim CCBJ

A CCBJ envia regularmente boletim eletrônico aos associados. Na edição de junho, o artigo foi escrito pela Jice (Japan International Cooperation Center) sobre programas para estrangeiros.

Projetos da JICE direcionados aos estrangeiros radicados no Japão

A JICE (Japan International Cooperation Center) foi fundada em 1997 como uma entidade para cooperar às iniciativas privadas nos projetos de assistência oficial ao desenvolvimento (ODA na sigla em inglês), promovidos pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão e pela JICA (Agência de Cooperação Internacional do Japão). 

Atualmente, a JICE está envolvida num vasto leque de atividades para desenvolver recursos humanos em todas as regiões e países do mundo, por meio de programas de gestão de bolsas de estudo para estudantes estrangeiros, de treinamento internacional, de intercâmbio, de convivência multicultural e de ensino de língua japonesa, por exemplo, idealizados pelo governos japonês e estrangeiros, organizações governamentais, instituições internacionais, etc. A nossa meta principal é contribuir com as metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU através das atividades que visam formar recursos humanos para trabalhar em busca de soluções dos desafios enfrentados pela sociedade internacional. 

Projetos de apoio para estrangeiros residentes no Japão

A JICE tem organizado vários programas direcionados aos estrangeiros, principalmente aos nikkeis que vivem no Japão, entre eles, o “Curso Preparatório para Recolocação Profissional aos Descendentes de Japoneses”, realizado durante 6 anos desde 2009. O projeto foi criado pelo Ministério do Trabalho, Saúde e Bem-Estar do Japão para prestar apoio aos trabalhadores nikkeis que perderam o emprego em consequência da quebra do banco Lehman Brothers, em 2008, recebendo cerca de 27 mil participantes até o ano fiscal de 2014. 

Mais tarde, abrimos as portas também para os moradores estrangeiros em geral, sem restringi-las apenas aos nikkeis, criando o “Curso de Capacitação para Promover o Emprego Estável para Residentes Estrangeiros”, que foi realizado entre 2015 e 2016. O mesmo curso voltou a ser ministrado em 2018 e é mantido até hoje. 

O objetivo do curso não é apenas melhorar o nível de japonês dos participantes, mas também aprimorar a habilidade de comunicação em japonês no trabalho e oferecer oportunidade de adquirir conhecimentos sobre etiquetas de negócios, práticas laborais, sistemas de seguros de trabalho, previdência social etc. Em 2020, a JICE realizou 220 cursos em 110 locais em 24 províncias, além de curso online feito em algumas regiões devido à pandemia. 

Desde o início do “Curso Preparatório para Recolocação Profissional aos Descendentes de Japoneses”, lançado em 2009, até a última edição do “Curso de Capacitação para Promover o Emprego Estável para Residentes Estrangeiros” realizada em 2020, a JICE atendeu a mais de 47 mil participantes, dos quais os brasileiros representam 40% (cerca de 19.500 participantes). 

A JICE trabalha também com projetos de apoio às empresas e entidades japonesas que recebem estrangeiros. Em 2019, por exemplo, a filial da JICE na região Chubu foi incumbida da missão de elaborar o currículo do programa de treinamento e adaptação rápida dos estrangeiros recém-chegados, além dos materiais didáticos e do manual para instrutores. 

A entidade é responsável também pelos projetos que fazem parte do programa denominado “JUNTOS!! – Programa de Intercâmbio entre Japão, América Latina e Caribe”, promovido pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros, e tem organizado eventos de intercâmbio entre a comunidade estrangeira local e participantes brasileiros e outros latino-americanos. Por meio de vários eventos, entre eles, o encontro online com a CCBJ realizado no dia 20 de maio deste ano, a JICE contribui para promover a compreensão dos japoneses sobre os nikkeis e estrangeiros que se destacam na sociedade local e para construir uma rede de contatos. 

No Japão, vem crescendo cada vez mais a demanda pelos profissionais estrangeiros para suprir a falta de mão de obra, que tem se agravado devido à queda da população economicamente ativa em consequência do envelhecimento da população e da baixa natalidade. A JICE, com 44 anos de experiência no ramo de desenvolvimento de recursos humanos, continuará realizando projetos para promover a sociedade multicultural e a compreensão mútua entre moradores estrangeiros e a população local.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Veja também

Tokyo Sustainability Action

O governo de Tóquio divulgou recentemente o relatório sobre as ações para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estipulados pela ONU.  O relatório, que está

Leia Mais >>