São Paulo dispensa tarifa para abertura de novas empresas por dois meses

O governo de São Paulo vai dispensar, pelo período de 60 dias, a cobrança de tarifa para abertura de novas empresas no estado paulista. O objetivo, segundo o governo, é estimular a economia e tentar diminuir os impactos na geração de emprego e renda decorrentes da pandemia do novo coronavírus.pastedGraphic.pngpastedGraphic.png

A medida começou no dia 25, após publicação no Diário Oficial, e valerá até o dia 23 de outubro. A suspensão da cobrança vale para empresas classificadas como Limitada (LTDA), Empresário Individual por Responsabilidade Limitada (EIRELI), Sociedade Anônima (S/A), Empresa Pública, Empresário Individual (EI) e Sociedade Cooperativa.

Apesar da pandemia, no mês de julho o estado de São Paulo registrou o recorde do ano de abertura de empresas. Foram abertos 21.788 novos negócios em julho, número superior ao de fevereiro, que até então registrava a maior alta do ano, com 18.042. Esse número também foi superior ao verificado no mesmo mês do ano passado, quando 20.187 empresas foram registradas.

Fonte : Agência Brasil

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Veja também

Time Brasil

O Time Brasil participa das Olimpíadas com 302 atletas, sendo 162 homens e 140 mulheres. Eles disputam 35 modalidades esportivas. É a maior delegação do

Leia Mais >>

All Japan Collection

Até o dia 5 de setembro, está aberto para visitação pública o espaço de Tokyo Sports Square. Estão reunidos artesãos japoneses que confeccionam espadas, almofadas,

Leia Mais >>