Energias eólica e solar têm segunda maior posição na matriz energética

Em 2021, as fontes eólica e solar ocuparam, juntas, a segunda maior participação na oferta interna de energia elétrica.

Os dados são do Ministério de Minas e Energia e revelam a importância das fontes limpas e renováveis no Brasil.

As fontes eólicas e solar subiram 2,9 pontos percentuais na composição da matriz da OIEE, chegando a 13,4%, soma que perdeu apenas para a energia hidráulica, responsável por 56,7% da oferta total. pastedGraphic.pngpastedGraphic.png

De acordo com os dados do Ministério de Minas e Energia (MME), com os 13,4% o Brasil já ultrapassa o indicador de energia limpa do bloco da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), estimado em 13% para 2021.

Assista ao vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=0iBTFyCerbI

Fonte: MME

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Veja também