Comércio eletrônico de SP deve faturar 32% a mais em 2020

O  setor do comércio eletrônico do Estado de São Paulo deverá fechar o ano com faturamento de R$ 29,2 bilhões, montante 32% superior ao registrado em 2019. A previsão, divulgada é da da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).pastedGraphic.pngpastedGraphic.png

De acordo com a entidade, a curva ascendente deverá continuar em 2021. “Com mais consumidores se adaptando às compras online e em meio às incertezas diante de uma segunda onda da pandemia, o comércio eletrônico deve crescer 6% no próximo ano, atingindo a cifra de R$ 31,1 bilhões”, destacou a FecomercioSP em nota.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Veja também

Boletim CCBJ

A Câmara de Comércio Brasileira no Japão envia regularmente boletim eletrônico aos associados. Na edição de julho, o artigo foi escrito pelo Cônsul-Geral do Brasil

Leia Mais >>

Agronegócio brasileiro

O Consulado-Geral do Brasil em Hamamatsu fez uma live sobre o agronegócio brasileiro. O adido agrícola Ricardo Maehara, da Embaixada do Brasil em Tóquio, participou

Leia Mais >>