Centro histórico de Congonhas será revitalizado

Projeto para a revitalização do centro histórico de Congonhas, cidade que fez parte do chamado Ciclo do Ouro de Minas Gerais, foi aprovado para apoio não reembolsável do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). 

Nessa quarta etapa, os recursos do BNDES serão de R$ 11,7 milhões. Com isso, o investimento total chegará a R$ 18,9 milhões, incluindo as três fases anteriores, e equivale a 48% do investimento global, de R$ 39 milhões.

A cidade mineira reúne significativo acervo cultural, composto por igrejas de arquitetura barroca e esculturas do artista Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, cuja obra foi reconhecida como Patrimônio Cultural Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

O conjunto arquitetônico e urbanístico do município foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Fonte : Agência Brasil

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp